Baterias para Carros

Gostou? compartilhe!

As baterias para carros têm como função principal fornecer a energia necessária para que o motor de arranque promova a partida do veículo. Ela também é responsável para alimentar todo o sistema elétrico do veículo quando o motor não está em funcionamento, assim como auxilia o alternador por tempo determinado para que se por algum motivo ele não conseguir fornecer a totalidade da corrente elétrica necessária estabilizando a tensão do sistema elétrico como um todo.

Do que é feita as baterias para carros?

A bateria é um acumulador elétrico que armazena energia na forma química, para depois converter em corrente elétrica para atender às necessidades de funcionamento do carro.

Existem baterias de várias tecnologias. As mais modernas são as "seladas" ou livres de manutenção e com adição de liga de prata.

Basicamente a bateria automotiva de 12 V é formada por 6 elementos constituídos por placas de chumbo (positivas e negativas), separadores e solução de ácido sulfúrico (eletrólito), elementos que ficam acomodados dentro de uma caixa plástica com separações internas. E por cabos conectados nos polos (positivo e negativo) da bateria que por sua vez transfere a energia para o veículo.

Todas as baterias aparentemente são iguais, porém a tecnologia empregada na sua fabricação assim como o processo são determinantes na performance e vida útil de cada uma.

Elemento ou vaso é um acumulador de duas ou mais placas de polaridades opostas, isoladas entre si e banhadas pelo mesmo eletrólito, num mesmo recipiente, basicamente a bateria é o conjunto de elementos interligados em série ou paralelo.

De acordo com sua utilização existem:

  • Acumuladores ESTACIONÁRIOS (ciclo profundo)
  • Acumuladores TRACIONÁRIOS
  • Acumuladores de ARRANQUE

Tanto a bateria de Arranque quanto a Estacionária (também chamada de Bateria de Ciclo Profundo) são baterias de ácido-chumbo, que usam a mesma química para sua operação. A diferença está na maneira como as baterias otimizam seu projeto.

A bateria automotiva (de ARRANQUE) foi projetada para oferecer grande quantidade de corrente por um curto período de tempo, necessário somente para dar partida no carro. Depois que o motor está ligado, o alternador oferece toda a energia que o carro precisa e, com isso, uma bateria de carro pode passar todo o seu tempo de duração sem ter usado mais de 20% de sua capacidade total. Usada dessa maneira, uma bateria de carro pode durar vários anos, geralmente 2 anos. Para obter uma grande quantidade de corrente, uma bateria de carro usa placas finas para aumentar sua área de superfície. Toda vez que uma bateria automotiva é descarregada, diminui sua vida útil.

Uma bateria ESTACIONÁRIA (ou ciclo profundo, usadas normalmente em no-break) foi projetada para oferecer quantidade constante de corrente por um longo período de tempo até se descarregar completamente várias e várias vezes (algo que arruinaria rapidamente uma bateria automotiva). Para conseguir isso, uma bateria de ciclo profundo usa placas mais espessas. Mas, numa bateria estacionária, toda vez que for requisitada uma alta corrente (como uma partida de carro) terá sua vida útil diminuída.

A empresa Bateria Mora vende, entrega e instala baterias automotivas de diversos tamanhos e tipos, atendendo clientes de toda a região da Zona Sul de São Paulo. Entre em contato para mais informações.